Alunos do CIN-UFPE recebem prêmio por artigo em fórum de microeletrônica

Curso de Residência em Software

Três alunos do curso de Engenharia da Computação do CIn-UFPE foram premiados com o título de “Melhor artigo” do 17º Microelectronics Students Forum (SForum), realizado entre os dias 28 de agosto e 1 de setembro em Fortaleza. O artigo desenvolvido pelos estudantes Ladson Gomes, Mariana Barros e Thiago Silva abordou um sistema que auxilia na limpeza e monitoramento dos bueiros das cidades. A professora do CIn-UFPE Edna Barros foi a orientadora do trabalho dos estudantes.

O artigo foi Intitulado “An IoT-Based Culvert Monitoring System for Urban Flood Prevention”. Os alunos desenvolveram um protótipo auto-sustentável com o intuito de prevenir alagamentos nas cidades utilizando a internet das coisas. A ferramenta foi desenvolvida para realização de testes e coleta de dados, viabilizando trabalhos futuros de análise desses dados para identificar e prever os alagamentos.

Para os estudantes, receber o prêmio entre tantos artigos de qualidade foi um reconhecimento muito importante. “Percebemos que, com pequenas ideias, podemos fazer algo grande e inovador. Esse foi apenas um dos trabalhos desenvolvidos pelo Grupo de Sistemas Embarcados do CIn”, comentou Mariana, uma das desenvolvedoras.

Outros dois trabalhos de estudantes do CIn-UFPE com a participação da professora Edna foram apresentados no Congresso: os artigos HydroSys – An online platform for remote monitoring of water distribution networks, de Larissa Lages, Andréa Brandão e Rodolfo Andrade e o Hardware Module for Low-resource and Real-Time Stereo Vision Engine Using Semi-Global Matching Approach, dos alunos Lucas Cambuim e João Barbosa.

O evento foi realizado durante a Conferência Chip on the Sands, e tem como objetivo a apresentação de trabalhos de alunos de graduação na área de sistemas eletrônicos. O SForum é promovido pela Sociedade Brasileira de Microeletrônica (SBMicro) e pela Sociedade Brasileira de Computação (SBC).

Mestrado – O CIn atingiu a marca de 2000 dissertações de mestrado em seu Programa de Pós-graduação em Ciência da Computação. Desde sua criação, em 1974, o programa já defendeu 1734 dissertações de mestrado acadêmico e 282 de mestrado profissional, ou seja, ao todo foram 2016 defesas de mestrado.

Entre os programas de pós-graduação nacionais, o centro destaca-se como sendo um dos que mais defendeu dissertações de mestrado. “Para nós que fazemos parte do CIn, esse número é motivo de muito orgulho e reconhecimento ao trabalho dedicado e às pesquisas realizadas aqui. São mais de 40 anos desde o início do programa e este marco de 2000 dissertações defendidas é muito importante para nossa história”, comemora o vice-diretor do CIn, professor José Augusto Suruagy.

O Programa de Pós-graduação do CIn-UFPE oferece especializações, mestrado profissional, mestrado acadêmico e doutorado na área de Ciência da Computação. A qualidade de ensino e pesquisa do programa foi comprovada pela Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES), que classificou o programa acadêmico com conceito 6 (em uma escala vai até 7) e o programa profissional com conceito 3 (em uma escala que vai até 5).

Sobre Iúri Moreira 577 Artigos
Jornalista, músico, fotógrafo, marido de Isabela, pai de Arthur, fã dos Beatles e do Iron Maiden. Geek e cinéfilo, também é viciado em seriados e games. Nas horas vagas, pode ser encontrado gravando no homestudio, mexendo na moto, cozinhando ou desmontando algum equipamento eletrônico.

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*