Estudantes da UFPE criam vaquinha virtual para participar da RoboCup

Robocup

Formada por alunos do Centro de Informática (CIn) da UFPE em 2015, a equipe RobôCIn precisa de doações para representar o Brasil na RoboCup, maior competição de robótica autônoma do mundo. Mesmo conquistando a classificação para participar do torneio mundial, os estudantes correm risco de não conseguirem competir por causa dos custos das passagens aéreas e da hospedagem na cidade de Sydney, na Austrália.

“O modelo da competição exige que as equipes sejam formadas por, no mínimo seis pessoas. Por isso, criamos uma campanha virtual para angariar os fundos necessários para viabilizar a compra das passagens aéreas e de hospedagem para os 8 dias da RoboCup”, explica Renato Sousa, Pesquisador no RobôCIn.

Dos R$ 60 mil necessários para tirar o sonho do papel, foram arrecadados mais de 15% do objetivo, cerca de dez mil reais. O valor mínimo de doação é de 25 reais. Os interessados em apoiar o projeto devem acessar http://bit.ly/robocin até o dia 31 de maio.

O RobôCIn nasceu em 2015 com o desejo dos alunos do Centro de Informática de realizar uma formação interdisciplinar, aplicando os conhecimentos adquiridos durante  o curso através da robótica. Nos últimos quatro anos a equipe participou de competições nacionais e latino-americanas de robótica, onde conquistou destaque, assim, se qualificando para o desafio de participar da maior competição de robôs autônomos no mundo.

Sobre Iúri Moreira 703 Artigos
Jornalista, músico, fotógrafo, marido de Isabela, pai de Arthur, fã dos Beatles e do Iron Maiden. Geek e cinéfilo, também é viciado em seriados e games. Nas horas vagas, pode ser encontrado gravando no homestudio, mexendo na moto, cozinhando ou desmontando algum equipamento eletrônico.

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*