Pós-graduação do CIn-UFPE é uma das cinco melhores do País

Curso de Residência em Software

O Programa Acadêmico de Pós-Graduação em Ciência da Computação do Centro de Informática (CIn) da UFPE foi avaliado pela Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES) com a nota máxima, 7, em sua avaliação quadrienal. Já o Programa Profissional de Pós-Graduação do Centro, recebeu nota 4 (de um máximo de 5) pelo mestrado profissional, sendo um dos dois únicos cursos do país com nota mais alta em Computação. Com esses resultados, o CIn se destaca na avaliação da CAPES entre os sete melhores programas do país.

As notas recebidas na avaliação da CAPES consideram os resultados do período de 2013 a 2016. Para o diretor do CIn-UFPE, André Santos, esse resultado é um reconhecimento do padrão de excelência desenvolvido na instituição. “O Centro de Informática (CIn) era nível 6 desde 2007. Essa nota sete confirma a qualidade do nosso programa em ensino, pesquisa e inovação e reconhece o trabalho que vem sendo desenvolvido ao longo dos anos”, comenta.

Para o coordenador da Pós-Graduação do CIn-UFPE Aluízio Ribeiro, a conquista do nível mais alto da avaliação foi fruto de um resultado coletivo. “Esta última nota foi um reconhecimento de um trabalho de anos, envolvendo as mais diversas coordenadorias e quadro de professores e funcionários”. Para o coordenador, o programa agora segue com novos desafios para avançar no que for preciso e manter o nível de avaliação.

CAPES – A instituição realiza a avaliação dos programas de pós-graduação acadêmicos e profissionais do país, atribuindo diferentes resultados para cada um dos perfis. A avaliação é realizada a cada 4 anos, e as instituições podem receber notas até 7 para o programa acadêmico e até 5 para os programas profissionais.

No caso do programa acadêmico, as notas superiores a 5 são dadas aos cursos com elevado padrão de excelência e que tenham doutorado. Os níveis 6 e 7 indicam desempenho equivalente a alto padrão internacional, sendo a nota 7 dada a programas com destaque dentro desse grupo.

Confira o resultado da avaliação quadrienal de 2017.

Sobre Iúri Moreira 561 Artigos
Jornalista, músico, fotógrafo, marido de Isabela, pai de Arthur, fã dos Beatles e do Iron Maiden. Geek e cinéfilo, também é viciado em seriados e games. Nas horas vagas, pode ser encontrado gravando no homestudio, mexendo na moto, cozinhando ou desmontando algum equipamento eletrônico.

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*