Testamos o Twibi, roteador com tecnologia Mesh da Intelbras

Twibi

Já estão no mercado os novos roteadores Twibi, da Intelbras. Disponíveis nas versões Giga (R$ 1047,90) e Fast (R$ 499), os equipamentos prometem sinal forte e constante em cada milímetro do imóvel, além de preparar as residências para a Internet das Coisas (IoT). Os equipamentos contam com tecnologia Wifi Mesh (rede de malha, em português), ou seja, várias unidades (nós) de roteadores operam em conjunto distribuindo um único sinal de Internet para vários pontos de um mesmo ambiente.

Testamos os roteadores durante algumas semanas e o resultado foi excelente. O modelo Fast promete conexão de até 40 aparelhos, enquanto o Giga expande esse valor para 60. em termos de área de cobertura, são 100m² no caso de Fast e 180² para o Giga. Como o kit vem com duas unidades, no total são 200m² e 360m², respectivamente. Nos nossos testes, em um imóvel de 300m², mesmo com o modelo Fast o final chegou forte em todos os pontos da casa.

Os Twibi contam com configuração realizada via aplicativo no celular. Tudo muito simples, o usuário tem opções para definir controle parental, limitar tempo de conexão ou largura de banda individualmente para cada aparelho. Também é possível criar uma rede para convidados, bloquear usuários e/ ou aparelhos e até priorizar banda jogos online ou streaming de vídeos, por exemplo. Você ainda pode adicionar mais unidades à rede, com limite de seis. Cada Twibi sobressalente custa R$ 259,90 para o Fast e R$ 534,90 para o Giga.

IOT - Segundo a consultoria norte-americana Gartner, 8,4 bilhões de equipamentos e soluções estavam conectadas à internet e em uso no ano passado. Isso é 31% a mais do que o registrado em 2016 e a previsão é chegar a 20,4 bilhões até 2020 com 50 dispositivos em uso dentro de cada residência. China, América do Norte e a Europa Ocidental estão impulsionando o uso da Internet das Coisas - as três regiões juntas representam 67% da base total instalada no ano passado – porém há muito espaço para crescimento em países em desenvolvimento, como o Brasil.

“Os Twibis aliam alta tecnologia, design atual e discreto com conceitos de interatividade, Smart Homes e IoT. O universo da internet das coisas tem previsão de movimentar US$ 8 bilhões* no Brasil somente neste ano, sendo assim, a Intelbras enxergou essa oportunidade e apresenta ao mercado brasileiro produtos que se conectam, com interface intuitiva, que tornam as residências mais inteligentes, como os Twibis Giga e Fast, que são a solução definitiva de Wi-Fi para residências”, afirma Aluísio Serafim, Gerente de segmento de redes Home & Office da Intelbras.

“Os equipamentos se comunicam criando uma rede Wi-Fi que distribui um sinal sempre forte, constante e sem pontos cegos dentro do imóvel do usuário. Nós da Intelbras acreditamos que os novos produtos terão impacto muito positivo em um mercado cada vez mais conectado e com o aumento da procura por sistemas inteligentes integrados”, Amilcar Scheffer, diretor da unidade de redes da empresa. ”A Intelbras investe 6% do faturamento em pesquisa e desenvolvimento, o que resulta em produtos de alta qualidade, inovadores e com ótimo custo-benefício como os Twibis Giga e Fast. Temos certeza que os equipamentos serão um sucesso de vendas”, finaliza o executivo.

Twibi Giga
Cobertura de até 360 m², é ideal para planos de internet acima de 100 mbps
Valor de venda: R$ 1047,90

Twibi Fast
Cobertura de até 200 m², é ideal para planos de internet de até 100 Mbps
Valor de venda: R$ 499,90

Sobre a tecnologia Mesh

Podemos considerar a rede Mesh como uma “rede de nós”, pois neste caso, diferentemente do que ocorre nos sistemas tradicionais, não há um único roteador conectado à internet, mas sim vários. Juntos, eles se conectam para criar uma única e potente rede Wi-Fi. Muitos podem ter dúvidas de qual a diferença dos roteadores Mesh em relação aos roteadores e repetidores tradicionais, e a diferença é que os aparelhos Mesh são dotados de uma inteligência que permite que cada ponto da malha Wi-Fi abasteça o outro com uma banda maior, em vez de apenas receber o sinal unilateral vindo do roteador principal. Para espalhar sinal estável em grandes ambientes, podem ser utilizados vários aparelhos físicos que, além de trocar informações entre si, também trocam informações com os dispositivos conectados, garantindo sempre a melhor conexão de banda e frequência para cada um deles.

Sobre Iúri Moreira 664 Artigos
Jornalista, músico, fotógrafo, marido de Isabela, pai de Arthur, fã dos Beatles e do Iron Maiden. Geek e cinéfilo, também é viciado em seriados e games. Nas horas vagas, pode ser encontrado gravando no homestudio, mexendo na moto, cozinhando ou desmontando algum equipamento eletrônico.

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*