TINBOT CHEGA EM 2018 E VAI CUSTAR R$10 MIL

A partir do ano que vem, será possível realizar o sonho de ter um robô assistente para chamar de seu. É o que garante a DB1 Global Software, multinacional de tecnologia sediada em Maringá (PR), que vai colocar no mercado o seu primeiro robô com inteligência artificial. O Tinbot é multi-tarefas e pode executar desde diversas tarefas do dia a dia – como um assistente pessoal – até gerenciar equipes, cobrando produtividade e dando bronca, se necessário. Para isso, o robozinho fala português, reconhece o que as pessoas dizem, suas expressões e gestos.

O robô foi criado em um hackathon interno da empresa, a partir da paixão por robótica e do desejo de aliar esta prática ao desenvolvimento de software de um dos seus colaboradores, Marco Diniz Garcia Gomes. O projeto demandou um investimento de R$ 60 mil e foi iniciado em junho de 2016.

A plataforma do Tinbot integra software (inteligência) e hardware (mecânica), tornando possível a qualquer pessoa ter e programar o seu robô assistente com interatividade e personalidade humanizada. Na DB1, o robô foi desenvolvido para exercer a função de líder de projetos, mas o equipamento é configurável e tem suas ações personalizáveis, de acordo com as necessidades de cada empresa, podendo assumir “personalidades” diferentes como assistente pessoal, professor de inglês, intérprete e recepcionista, entre muitas outras opções.

Para Ilson Rezende, presidente da DB1 Global Software, a ideia é distribuir o robô com a tecnologia embarcada em larga escala já no segundo semestre de 2018. “Investimos cerca de 50% do nosso resultado em Pesquisa & Desenvolvimento para incentivar a inovação e o Tinbot é um passo importante nossa visão de futuro para 2032. Nossa meta é proporcionar uma experiência incrível para a pessoa comum”, finaliza.

Recentemente, a instituição de ensino UniCesumar adquiriu as duas primeiras unidades comerciais do Tinbot, que terão função de recepcionistas, sendo uma unidade para a universidade e a outra para o Colégio Objetivo. “Estamos entre os 10 maiores grupos educacionais privados do país e buscamos constantemente investir em ferramentas que potencializem a qualidade do ensino. E o Tinbot é mais uma aposta de futuro que fazemos por entender nossa missão em gerar novos conhecimentos e experiências para alunos e professores por meio da tecnologia. Os protótipos vão nos auxiliar tanto na inovação quanto no gerenciamento de indicadores”, salienta o vice-reitor da UniCesumar, Wilson Matos Filho.

Funcionalidades do Tinbot:

· Reconhecimento de fala;

· Reconhecimento facial;

· Captação de fotos;

· Programação simplificada com linguagem própria;

· Programação avançada com Javascript;

· Controle de LEDs coloridos;

· Controle de movimentos de cabeça, braços, mãos e torso;

· Reprodução de arquivos de áudio;

· Controle das expressões faciais;

· Bateria com autonomia de 2h;

· Acionamento por voz, horário programado ou por APIs externas;

· Integração aberta através de APIs.

A DB1 pretende distribuir o robô para empresas com a tecnologia embarcada já no primeiro semestre de 2018 ao custo de R$ 10.000 e os pedidos podem ser feitos diretamente pelo site da empresa.

Sobre Iúri Moreira 577 Artigos
Jornalista, músico, fotógrafo, marido de Isabela, pai de Arthur, fã dos Beatles e do Iron Maiden. Geek e cinéfilo, também é viciado em seriados e games. Nas horas vagas, pode ser encontrado gravando no homestudio, mexendo na moto, cozinhando ou desmontando algum equipamento eletrônico.

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*